Pages

sexta-feira, 16 de maio de 2014

Catherine

FRACA
Impotente em seus braços.
Vulnerável aos teus olhos,
vitima de minha própria mente fixa em você. 
Domada por seu guiar.

Reprimida por meu desejo,
acorrentada a ilusão de te pertencer.